felicidade em família

Felicidade em família: confira 7 ideias para ter bons momentos

Não se pode negar que ir em busca de crescimento profissional é não só o objetivo, mas também uma necessidade de muita gente. Além do mais, trata-se de algo que ocupa mais tempo do que gostaríamos. O que muitas pessoas também sabem, embora nem sempre consigam colocar em prática, é que ter momentos de felicidade em família faz todos esses esforços valerem a pena.

Simulador Laredo

Afinal de contas, a rotina exaustiva não é só a do mercado de trabalho, mas o trânsito caótico, as responsabilidades diárias, os problemas políticos etc. Enfrentar tudo isso diariamente pode sugar nosso tempo, energia e qualidade de vida.

Enquanto ainda não conseguimos métodos eficientes para reverter esses problemas, é nítido que garantir a felicidade em família funciona como uma válvula de escape. Então, quer descobrir como aproveitar melhor esses momentos? Continue a leitura e confira!

1. Fazer atividades ao ar livre

De acordo com estudos liderados pela ONG The Nature Conservancy (TNC), entrar em contato com a natureza melhora nossa saúde mental. Então, que tal se reunir com a sua família em espaços verdes para fazer algum tipo de atividade?

Isso pode incluir desde um piquenique, para o qual será preciso providenciar lanches, comida, uma toalha grande e, claro, uma sacola de lixo, até caminhadas ao ar livre para trabalhar a saúde mental e física. Vale lembrar que, quando tudo é feito em conjunto, o momento se torna mais leve e prazeroso. Então, convide todos da família para participar da atividade.

2. Viajar para uma cidade com águas termais

Se você tiver com mais tempo disponível, considere também organizar uma viagem para complexos com águas termais. Há diversas cidades brasileiras que oferecem isso, junto a uma ótima estrutura hoteleira e opções de lazer para todas as idades.

Além do mais, você já ouviu a frase que diz “se quer conhecer uma pessoa, viaje com ela”? Pois bem: isso faz todo sentido. Mesmo que a gente more com nossa família, os afazeres diários de cada um podem acabar afastando uns dos outros e tornar a relação superficial.

Quando viajamos, há um novo mundo de oportunidades, em que é possível conhecer muito mais as pessoas e fortalecer os laços. Como viajar por si só já é uma atividade estimulante, incluir sua família no roteiro proporciona momentos de felicidade inesquecíveis. Se tudo isso for feito em torno de águas termais (que contam com propriedades terapêuticas), as boas experiências podem ser potencializadas.

3. Morar em locais seguros

Como não se pode passar a maior parte do tempo viajando, também é fundamental cuidar da estrutura em que você e sua família vivem todos os dias. Então, se possível, priorize morar em lugares que proporcionem uma maior segurança.

Assim, haverá mais tranquilidade em estar no seu lar e você também pode se sentir à vontade para chegar mais tarde em casa, caso queira sair com a sua família de noite. Afinal, se boa parte do nosso estresse e afastamento da família é causada pelo longo tempo que passamos no trabalho, nada mais justo do que retornar o dinheiro ganho com isso para você e seus familiares, certo?

4. Optar por um condomínio que ofereça comodidade

Além de considerar a segurança como critério de escolha do local em que você e sua família devem morar, contar com um condomínio que ofereça áreas de convivência e opções de lazer, por exemplo, é sempre bem-vindo.

Isso porque não se pode ignorar que, por mais que desejemos ter momentos em família, o cansaço e a escassez de tempo podem ser dois grandes empecilhos. Sendo assim, morar em um condomínio que proporcione tudo isso torna a logística muito mais simples, pois você e sua família podem ter um passatempo familiar rotineiro em vez de momentos raros.

Na escolha e compra de um lote - Ebook grátis

5. Ter um espaço personalizado para suas experiências

Caso você prefira um espaço com a cara da sua família e no qual seja possível ter instantes mais privados, é possível montar um espaço dentro de casa para realizar diversas atividades. Isso inclui fazer pintura com tinta guache ou giz de cera, brincar com jogos de tabuleiro, dama e xadrez etc.

Como vimos, atividades em contato com a natureza apresentam um enorme benefício para a saúde mental. Então, caso você queira andar de bicicleta ou patins com a sua família, por exemplo, o ideal é investir em uma casa com quintal ou jardim maior. Assim, fica mais confortável realizar outras atividades em grupo, como cabo de guerra e esconde-esconde etc.

6. Planejar um dia de cinema

A convivência social com a família não precisa ter sempre muita interação — o cinema pode ser a melhor alternativa para unir aqueles mais introspectivos. Então, que tal programar uma maratona de filmes, seja no cinema ou em casa? Há diversas produções locais e nacionais pouco conhecidas, mas tão bem produzidas quanto qualquer outra, que merecem sua atenção.

Junte tudo isso a pipoca, brigadeiro e qualquer outra comida de que você e sua família gostem. No final, vocês ainda podem passar horas conversando sobre o filme e analisando todos os significados por trás dele.

7. Programar passeios culturais

Já que estamos falando sobre valorizar a cultura, também é válido incluir na lista do que fazer em família visitas a museus, exposições, shows, teatro, oficinas de arte, jardim botânico, passeios ao aquário etc. Como você pode perceber, não faltam opções culturais, não é mesmo?

Além de valorizar a cultura local, esse tipo de passeio é educativo e pode ser muito divertido. Como cada membro da família tem características próprias, é preciso aprender a variar o tipo de atividade desde cedo, para que cada um descubra aquilo que mais o agrada e se sinta à vontade com os demais.

Quanto mais você estabelece uma rotina com atividades como as mencionadas, mais difícil se torna os momentos de felicidade em família caírem no comodismo ou cada membro se isolar com suas tarefas. Assim, todos podem aproveitar os benefícios dessas práticas.

E então, gostou do nosso post? Aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais e sugerir dicas para os amigos ou familiares!

Posts relacionados