o-que-e-preciso-saber-antes-de-fazer-o-alicerce-de-casa

O que é preciso saber antes de fazer o alicerce de casa

Pense bem: existe algo mais importante na construção de um imóvel do que o alicerce de casa? Certamente não. Essa fundação tem a responsabilidade de suportar todo o peso da unidade, além de garantir o nivelamento da edificação no terreno. Ou seja, é imprescindível para o sucesso da obra — e para manter sua construção em pé!

Mas o que considerar ao fazer esse processo de distribuição de cargas no solo? Neste post, vamos mostrar a você o que é preciso saber antes de desenvolver o sistema de fundações que constituirá a base de sua casa!

A escolha do tipo de fundação

Existem diversos tipos de fundação, como a superficial (que tem profundidade de escavação inferior a 3 metros e que costuma utilizar sapatas ou radier) e a profunda (profundidade maior do que 3 metros e que usa tubulões, estacas ou os chamados caixões).

A opção por um outro modelo de alicerce de casa depende do tipo de solo do seu terreno. Como descobri-lo? Você pode:

  • analisar o grau de compactação das camadas por meio de técnicas como sondagem a trado (broca), sondagem à percussão e sondagem rotativa/mista (que diagnostica o perfil geológico do subsolo, sua formação rochosa, além de eventuais alagados e afloramento de rochas);

  • visitar obras em andamento na vizinhança, verificando as soluções adotadas e as características identificadas nesses terrenos (eles podem dizer muito sobre seu próprio local de construção);

  • recolher amostras das camadas do solo para estudo de resistência.

Análise da viabilidade da obra

Feito isso, o ponto zero da construção de um imóvel é a pesquisa junto à prefeitura. Verifique se há limitações legais que seu processo construtivo deve sofrer: qual o recuo permitido até a frente da sua casa, por onde deve passar a rede elétrica, se há alguma árvore a ser mantida na fachada de sua residência… Tudo deve ser analisado, a fim de evitar multas ou reconstruções posteriores.

Gabarito/Marcação

Trata-se do processo de definição do local onde a propriedade será construída, o que se dá por meio da colocação de um cercado de madeira retangular indicando a localização exata do alicerce de casa, das paredes e da estrutura (use o prumo para testar o alinhamento das estacas).

Essa demarcação deve ser feita com distanciamento mínimo de 1 metro da construção efetiva; é sobre esse isolamento que serão delimitadas (com arames e pregos) as posições das paredes e das valas de fundação. É uma fase de planejamento que antecede à escavação.

Escavação

Marcações devidamente realizadas, é hora de fazer perfurações para mapear o terreno, em busca de porções firmes que possam abrigar as estruturas de ferro e aço envolvidas em concreto, os chamados baldrames. É importante destacar que deverá haver uniformidade no nivelamento das valas, bem como que a profundidade mínima dessas escavações deve ser de 30cm.

Camada de brita

Antes de fixar a armadura das sapatas (gaiolas), é imprescindível utilizar uma camada de brita compactada no fundo da vala, reforçando a resistência do solo. Uma vez que essa camada extra seja fixada no terreno, você pode providenciar os esqueletos que vão fortalecer as sapatas de seu futuro imóvel.

Para quem está confuso com os termos, vamos deixar claro que sapata é um elemento de concreto armado (geralmente quadrado ou retangular), posicionado de forma que todas as tensões da construção sejam depositadas pela sua armadura, e não pelo concreto.

Já o bloco de fundação é uma base semelhante a um pedestal, que absorve a carga e a distribui pela edificação sem a necessidade de armadura (similar ao radier, placa que abarca toda a área construtiva e também distribui as tensões uniformemente ao longo do terreno).

Dúvidas terminológicas sanadas, voltemos ao nosso passo a passo do alicerce de casa. O ponto de atenção agora são as armaduras das sapatas e do baldrame.

Armaduras do baldrame/sapatas

Essas armaduras deverão ser fixadas sobre a área que recebeu o reforço de concreto no solo. Esses esqueletos de aço (vigas) devem ser devidamente envolvidos por tábuas, preparando o baldrame para a fase de concretagem. Não se esqueça de que sistemas hidráulicos e elétricos devem ser passados por dentro das estruturas antes da concretagem, ok?

Impermeabilização do solo

O fato de considerarmos que uma simples infiltração no alicerce de casa pode colocar por água abaixo todo seu trabalho, já é motivo suficientemente forte para ter cuidado especial com essa fase de solidificação do alicerce da casa, concorda?

Pois é, quando a água se infiltra no concreto, sua armadura, seus revestimentos e alvenarias podem ser comprometidos com a proliferação de fungos ou bolores, além da perda da resistência dos materiais utilizados (com a consequente redução da vida útil da edificação como um todo).

Para evitar esse transtorno, o ideal é usar impermeabilizantes à base de concreto ou com base asfáltica na fase construtiva final, no intuito de evitar que uma eventual infiltração que venha do solo chegue às paredes da residência. Essa umidade pode ser oriunda das chuvas, lavagens, de banhos, entre outras causas.

Vale a pena lembrar que os gastos com uma boa impermeabilização (feita durante o andamento das obras) não chegam a 2% do custo total da construção. Por outro lado, quando esse trabalho é realizado após o diagnóstico de infiltrações, essa despesa costuma superar os 10%. Existem produtos específicos para a impermeabilização de baldrames.

Compactação do solo com brita/aplicação de camada lisa de concreto (contrapiso)

Por fim, a resistência e a diminuição do risco de umidade são fortalecidas com a compactação do solo com brita, bem como com a aplicação de uma camada de concreto nivelada (contrapiso), que vai deixar seu imóvel pronto para receber o piso.

Você já percebeu que uma simples técnica construtiva equivocada, implementada por uma construtora sem experiência no mercado, já é o bastante para colocar em risco a qualidade do imóvel, trazendo à residência infiltrações, degradações precoces do concreto e até mesmo riscos de desabamentos, certo?

Dessa forma, antes de comprar imóvel, é essencial pesquisar com atenção o know-how da empresa envolvida com a edificação, além de sua política de responsabilidade ambiental e inovação de seus projetos.

Aliás, por falar em alicerce de casa e qualidade construtiva, você já conhece a Laredo Urbanizadora? Pois entre em contato conosco e conheça alguns dos empreendimentos que se tornaram referência no país na fusão entre tecnologia, segurança, bem-estar e sustentabilidade!

Posts relacionados