condomínio fechado

Tudo o que você precisa saber sobre condomínio fechado

No momento de procurar um imóvel ideal e que atenda a todas as necessidades, é preciso entender previamente quais são as suas expectativas para a casa nova, bem como quais são as características que ela precisa ter para que todos os membros de sua família possam usufruir da melhor maneira e ter uma vida equilibrada.

Nesse sentido, adquirir um lote em um condomínio fechado traz a possibilidade de construir um imóvel que tenha cômodos mais amplos, que tenha em sua estrutura área de lazer completa e ainda esteja em uma localização privilegiada.

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para que você fique por dentro de todas as informações necessárias sobre o assunto. Boa leitura!

Simulador Laredo

Conheça 5 vantagens de morar em um condomínio fechado

A seguir, selecionamos as principais vantagens que podem ser usufruídas por quem deseja morar em um condomínio fechado. Veja!

1. Qualidade de vida

O primeiro passo para quem deseja morar em um condomínio fechado está relacionado com a qualidade de vida. Isso se justifica pelo fato de os moradores contarem com um contato com a natureza, bem como ter possibilidades para convidar amigos e familiares para confraternizações em espaços comuns do empreendimento.

Além disso, as excelentes condições do condomínio permitem que você possa fazer as mais diversas atividades nas proximidades de sua casa, como a academia e área de lazer completa. Isso traz como diferencial o fato de que passará menos tempo no deslocamento para o seu entretenimento e para a prática de esportes, permitindo que a gestão de seu tempo possa reservar esses períodos para outros afazeres.

Caso os seus filhos pratiquem natação, contratar um professor particular para que a aula seja dada dentro do condomínio é um exemplo nesse sentido, aumentando até mesmo a segurança por não precisar ficar constantemente indo de um local a outro — uma vez que é possível concentrar em sua própria casa as principais atividades.

2. Segurança

Como mencionamos sobre a segurança, é preciso reservar um tópico para abordar apenas sobre essa questão. Hoje, os condomínios contam com soluções para aumentar a comodidade dos moradores, como cerca elétrica, barreiras invisíveis — que nada mais é do que sensores que tendem a identificar os principais riscos, disparando alarmes quando necessário — , além de um monitoramento constante por parte dos profissionais.

Além disso, o acesso de pedestres é feito por meio do controle biométrico, no qual o proprietário tem total autonomia para escolher quem terá as digitais cadastradas para que possa entrar sem a necessidade de autorização prévia. O acesso de veículos é feito por meio de uma etiqueta, em que não existe a necessidade de o morador descer do automóvel para abrir portões ou mesmo para telefonar para a portaria, automatizando o processo.

Por fim, ainda existe a preocupação em relação ao trânsito de veículos internamente. A velocidade máxima permitida é de 20 km por hora, permitindo que as crianças possam circular nas dependências do empreendimento sem a preocupação com a rota dos carros.

3. Prática de exercícios ao ar livre

A qualidade de vida ainda está relacionada com a prática de exercícios ao ar livre, especialmente para os amantes de corrida ou outras atividades que devem ser feitas nas partes externas.

Entre as vantagens de ter uma rotina de treinos bem definidas, destacamos o aumento da vitamina D, justamente devido à necessidade de o contato com a luz solar para a sua sintetização. Estar em um empreendimento que oferece o contato mais próximo com a natureza ainda estimula para a motivação da prática desses exercícios, fazendo com que a sua rotina seja mais produtiva.

As noites de sono serão melhores e ainda há uma diversidade de atividades que podem ser feitas, como:

  • prática de vôlei — estimule seus vizinhos ou familiares a exercitarem com certa frequência;

  • brincadeiras infantis diversas;

  • futebol;

  • caminhadas;

  • exercícios que contribuem para a coordenação motora, entre outros.

4. Mais tempo junto em família

Esse benefício está diretamente ligado com o anterior, especialmente pelo fato que há maiores possibilidades de atividades a serem feitas em família. E também deve considerar que, justamente por ter a oportunidade de concentrar as diferentes atividades dentro de seu próprio empreendimento, você gastará menos tempo com deslocamentos, conforme explicando.

Isso permite que você possa destinar mais períodos para estar com as pessoas próximas e tendo a possibilidade de novas alternativas de lazer.

Os prazeres de viver em um condomínio horizontal - E-book Grátis

5. Proximidade com praias

Caso você more em Aracaju, há excelentes empreendimentos com ótimas localizações, como a região de Aruana. O bairro faz parte da Zona de Expansão da cidade de Aracaju, oferecendo ao morador várias facilidades urbanas — como o fácil acesso aos mais diversos locais da cidade, além de contar nas proximidades do seu condomínio estabelecimentos comerciais que suprem as necessidades do dia a dia.

Você terá, a poucos metros de distância de seu condomínio, uma das praias mais bem avaliadas da cidade — tanto pelos turistas quanto pelos moradores de Aracaju. A sua extensa faixa de areia traz a tranquilidade para quem deseja um fim de semana de descanso, principalmente para famílias que tenham crianças.

Dessa forma, para quem opta por um condomínio fechado localizado nessa região, além de ter a disposição uma estrutura de lazer completa, tem a oportunidade de se divertir com amigos e familiares nas alternativas naturais da capital. Como o mar é levemente agitado e com ondas medianas, é a pedida mais certeira para recompor as energias.

Saiba como escolher um condomínio fechado com essas 4 dicas

Agora que você já está por dentro de todas as vantagens de residir em um condomínio fechado, chegou o momento de conhecer as principais dicas para que se faça uma escolha eficaz. Confira!

1. Avalie a estrutura do empreendimento

Conforme abordamos, hoje há empreendimentos que contam com as mais diversas soluções e facilidades para o morador. No entanto, não são todos que oferecem essas soluções em tecnologia para garantir a segurança, e nem mesmo uma estrutura de lazer completa para que a família possa aproveitar bons momentos de descanso.

Por essa razão, é preciso inicialmente avaliar a estrutura do empreendimento pretendido. A dica ideal, nesse sentido, é visitar o local, conversar com os consultores da construtora ou da urbanizadora pesquisada, entender quais são os diferenciais de um condomínio fechado e tirar todas as dúvidas sobre os aspectos de segurança contidos no local que garantam a tranquilidade dos moradores.

2. Escolha o local que mais atenda às suas necessidades

Ao visitar o empreendimento para analisar a sua estrutura, você ainda tem a possibilidade de avaliar como é a sua localização. No entanto, é preciso inicialmente contar com um bom planejamento para entender quais são as suas necessidades. Faça perguntas como:

  • esse é um local próximo do trabalho e das escolas das crianças?

  • Há vias de acesso que permitem chegar aos mais diversos pontos da cidade com facilidade?

  • No entorno existem as facilidades necessárias para as demandas do dia a dia?

  • Hoje, quais são os aspectos que mais priorizamos para a moradia?

Ao responder esses pontos, você poderá fazer uma análise mais detalhada do local do empreendimento pesquisado. Não deixe de tirar todas as dúvidas com o profissional que vai atendê-lo, pois ele terá a expertise necessária daquela região para sanar os seus questionamentos e facilitar a decisão.

3. Busque por uma urbanizadora que tenha credibilidade no mercado

Talvez essa seja a etapa mais importante no momento de optar por fechar um negócio em condomínio fechado. Por essa razão, selecionamos pontos importantes a serem analisados no momento de escolher por uma urbanizadora.

3.1. Conheça o histórico da urbanizadora

O primeiro passo ao analisar uma urbanizadora é conhecer o histórico que ela tem em sua cidade. Pessoas que costumam adquirir um terreno por conta própria e iniciam um projeto de construção, fechando contratos a preços que estão muito abaixo do mercado, podem sofrer com as consequências desse ato. O primeiro deles é o atraso nas entregas, além de apresentar um resultado que esteja longe daquele apresentado no projeto.

Justamente por esses pontos, ao adquirir um terreno em condomínio fechado, entenda como é a loteadora que você está avaliando. Para isso, por meio do CNPJ, pesquise em sites sobre as possíveis pendências que ela venha a ter. Entrar em páginas do tribunal de justiça ou de bancos de dados de defesa do consumidor é o mais indicado, pois lá terá um resumo sobre as principais causas que aquela empresa já foi envolvida.

Além disso, existe a possibilidade de buscar por informações com clientes que já tenham iniciado suas obras e que tenham feito contato com a urbanizadora em questão. Mais um ponto a ser avaliado no momento de fazer uma visita no local. Não faça essa pesquisa com pressa, tenha em mente todas as questões necessárias que devem ser verificadas para que o negócio seja de fato eficaz e que não traga dores de cabeça mais adiante.

3.2. Analise as especificidades do terreno

É preciso, ainda, analisar as especificidades do terreno em condomínio fechado. Empresas costumam oferecer lotes com declive por um preço mais em conta. No entanto, entenda que eles podem gerar um trabalho maior durante a execução do projeto, como movimentação de terra, estruturas de contenção, drenagens etc.

Dessa forma, aquele dinheiro economizado no momento de fechar negócio acaba sendo compensado aqui, trazendo mais gastos para a obra.

3.3. Entenda sobre as alternativas de financiamento

Se você for avaliar as alternativas de financiamento para o seu condomínio fechado, é preciso entender quais são os tipos de produtos existentes no mercado. Caso você não queira optar por esse serviço em instituições financeiras, existem urbanizadoras que contam com as suas próprias soluções nesse sentido, apresentando vantagens para quem for fechar negócio.

Dessa forma, ao analisar de que a empresa que você está em contato é de fato idônea e cumpre com as expectativas depositadas, busque verificar também sobre a sua saúde financeira. Conheça quais são as principais soluções oferecidas e leve todas as suas dúvidas para o consultor que estiver auxiliando durante essa etapa do processo.

3.4. Verifique sobre a documentação de autorização da obra

Para que uma urbanizadora possa dar andamento a uma obra de condomínio fechado, bem como vender loteamentos de seu empreendimento, é preciso contar com determinadas documentações e autorizações dos órgãos públicos municipais. Por essa razão, assim que decidir fechar negócio com aquela empresa, exija dados referentes ao Cartório de Registro de Imóveis, além de analisar se de fato aquelas informações apresentadas são verdadeiras.

Além disso, com o objetivo de verificar outros dados mais específicos, como a metragem daquele terreno o valor venal, solicite ainda na prefeitura de sua cidade a Certidão Negativa de Débitos Municipais, além do carnê do IPTU.

Outro ponto importante a ser verificado é entender se aquela obra foi exigida de outros tipos de licença. Especialmente em pontos da cidade que estão próximos a recursos naturais, há algumas especificidades quanto autorizações. Dessa forma, verifique se ela está em dia com todos os pontos solicitados, evitando problemas futuros.

4. Conheça os diferenciais do condomínio

Em diversos pontos do conteúdo mencionamos sobre a importância de contar com um condomínio que tenha diferenciais para a sua qualidade de vida em casa, bem-estar e relacionamento próximo com os familiares. Mas quais são eles? A seguir, selecionamos alguns que podem ser analisados. Confira!

4.1. Área de lazer

Assim que visitar o empreendimento, verifique quais são as opções disponíveis na área de lazer. Muitos empreendimentos oferecem esse benefício, mas há aqueles que são mais completos do que os outros.

Uma estrutura completa nesse sentido não é contemplada apenas com a presença de uma piscina, como também quadras de esportes, salão de festas com a disponibilidade de churrasqueira e espaço para as questões técnicas de eventos, espaço para as crianças, entre outros.

4.2. Espaços pet friendly

Hoje, já existem empreendimentos que se preocupam até mesmo com o bem-estar de seu bichinho de estimação (os chamados condomínios pet friendly). Existem condomínios fechados que contam com pet place, que nada mais são do que áreas destinadas exclusivamente para que os donos possam interagir de maneira mais à vontade com o seu animal, permitindo que ele faça exercícios e possa se interagir com outras pessoas e pets.

Veja abaixo algumas das vantagens a serem destacadas desse tipo de ambiente no condomínio:

  • melhoria da saúde do animal — como há a possibilidade de o bichinho se exercitar e praticar circuitos regularmente, a sua saúde será melhorada, além de trazer a possibilidade de os proprietários contratarem adestradores para treinos em um espaço feito justamente para isso;

  • redução de custos — como essa facilidade estará dentro do condomínio, não há a necessidade de deslocamentos. Além disso, uma das preocupações de quem tem animal de estimação é de contar espaços de entretenimento que aceitam pets. Como o empreendimento também oferece alternativas de lazer, isso não mais será um problema;

  • manutenção das áreas comuns dos moradores — contar com um espaço para que os animais possam treinar regularmente permite que as áreas comuns do condomínio sejam preservadas;

No entanto, quem conta com um bichinho deve seguir as normas preestabelecidas no empreendimento. Além disso, é preciso passear com o animal utilizando todos os itens de segurança necessários, como coleiras e focinheira para aqueles de grande porte.

Por fim, existe a necessidade de manter a limpeza dos espaços. Sendo assim, sempre que for transitar por essas áreas, leve sacolas e outros materiais de higiene para recolher as necessidades do pet caso venham a ocorrer.

4.3. Preocupação com a convivência dos moradores

Preocupar-se com a convivência sadia entre os moradores é um ponto que não é muito considerado no momento de pesquisar por um imóvel, mas essencial para a manutenção da qualidade de vida dos condôminos.

Atritos entre vizinhos podem prejudicar o sentimento de pertencimento que você tem com aquele espaço. Dessa forma, é preciso procurar por um local em que haja a preocupação de que todos tenham uma relação harmoniosa, que se preocupem com o bem-estar do próximo e que ainda possam trabalhar em conjunto para a manutenção dos espaços em comum.

A metodologia do Design de Convívio, por exemplo, foi criada pela empresa Bistrô de Inovação. Esse método tem como foco implementar justamente o bom convívio entre as pessoas do condomínio, para que elas vivam bem entre si, interajam sempre harmoniosamente e ainda possam ter boas práticas aos espaços de confraternização.

É um método com 3 pilares principais:

  • pertencer — com o objetivo de se sentir bem no empreendimento escolhido para residir, é preciso ter o pertencimento com aquele espaço. Para isso, entender sobre o condomínio e conhecer as principais pessoas que estão ao seu redor trará uma compreensão maior sobre aquele ambiente;

  • ser — entender o seu papel dentro do espaço para exercer as funções que são destinadas a ele é um ponto fundamental que contribui para a boa convivência. Estar por dentro das regras de utilização de espaços comuns, como horários permitidos, é um exemplo nesse sentido;

  • cuidar — para que os moradores possam ter um bom relacionamento entre si, também é preciso cuidar dos espaços comuns. Aqui, o indicado é que vá contra a individualidade e que pense naqueles ambientes como um bem que é de todos.

Conheça algumas informações importantes sobre a construção de casas em condomínio

Você já conhece todas as informações sobre condomínio fechado, como os diferenciais que devem ser analisados e os principais pontos a serem observados no momento de buscar por uma urbanizadora. E quando fechar negócio, quais são os próximos passos?

Planejamento da obra

O primeiro passo é buscar por profissionais que tenham expertise de mercado. Novamente, a escolha de uma urbanizadora que seja tradicional em sua cidade pode ser um diferencial, uma vez que aquelas mais conceituadas já contam com parcerias com arquitetos renomados e que entendem sobre as especificidades do empreendimento.

São esses profissionais que entenderão sobre as principais etapas de uma obra e que vão auxiliar em todos os processos, aliando as suas expectativas e necessidades com a funcionalidade do projeto. Além disso, contará com um cronograma bem alinhado, apresentando quais são os prazos a serem definidos e a previsão de entrega de seu projeto.

O arquiteto também vai contribuir para clarear algumas informações importantes de qualquer construção. Entre elas se destaca o orçamento de insumos, qual é a expectativa de gastos com materiais, a definição da mão de obra e ainda os equipamentos necessários a serem contratados.

Escolha de bons fornecedores

Em relação aos fornecedores, eles não devem se limitar apenas ao profissional que vai executar o seu projeto. A mão de obra qualificada durante toda a etapa de sua obra vai delimitar se o resultado será ou não de qualidade. Dessa forma, é preciso contar com cuidados especiais nesse momento de seu planejamento, especialmente porque a escolha eficaz vai evitar que você tenha problemas estruturais mais adiante.

Para isso, da mesma forma como mencionamos sobre a necessidade de uma pesquisa aprofundada do local e da urbanizadora contratada, aqui também é preciso de uma análise detalhada sobre os principais fornecedores do mercado. Em redes sociais ou em sites de reclamação, você tem a possibilidade de ter contato com os principais nomes, além de avaliar sobre as opiniões daqueles que já tiveram algum tipo de contato com a empresa em questão.

Escolha dos acabamentos

Por fim, depois de contratar por profissionais qualificados e bons fornecedores, chegou o momento de optar por acabamentos que mais estejam de acordo com o perfil de sua família. Aqui, o ideal é que não leve tanta em consideração as principais tendências. Apesar de elas servirem como boas inspirações, é indicado que a sua casa esteja de acordo com a identidade de família.

Sabe aquela sensação de você olhar um projeto pronto e dizer: “isso é a nossa cara!”? É mais ou menos isso. Nos quartos, coloque um pouquinho daquilo que representa quem estará ali, além de também se preocupar com as áreas externas, com paisagismo que transforme a sua residência em uma construção de luxo!

Neste conteúdo, você pôde entender um pouco mais sobre as principais informações de um condomínio fechado. Conforme explicado, é preciso contar com uma boa pesquisa, além de marcar reuniões com os profissionais da urbanizadora pretendida para que você possa analisar como é a sua expertise de mercado e como poderão atender às suas principais necessidades.

Para um atendimento personalizado, entre em contato com a gente e converse com alguns de nossos colaboradores.

Comentários