Qual é a melhor época para construir uma casa?

Qual é a melhor época para construir uma casa?

Para que construir uma casa seja uma experiência boa e de acordo com suas expectativas, planejamento é fundamental. Isso inclui saber qual é a melhor época do ano para iniciar a construção e como se preparar para que isso ocorra sem atrasos ou pendências. 

Neste texto, vamos explicar como se faz essa escolha e quais são as principais precauções que você precisa tomar para que o planejamento funcione.

 

Clima: a primeira coisa que você precisa considerar

Parece meio óbvio, mas ainda tem muita gente que peca na hora de determinar o momento de início das obras de sua casa. A escolha deve ser, sempre, pelo período do ano em que menos chove.

Na maior parte do Brasil, isso significa aquele momento em que o verão já terminou e foi-se embora com suas chuvas intensas dando lugar ao outono, estação com significativa queda na quantidade e no volume de precipitações.

Essa estabilidade costuma ocorrer ainda na primeira parte do outono, isto é, no mês de abril. A partir desse momento, dependendo, de novo, das características de cada região, você vai ter um período de seis a sete meses para dar conta de toda a parte estrutural, erguer as paredes e cobrir a casa. Quando as chuvas voltarem, você já estará cuidando da parte interna.

Cuidado com as exceções

Como dissemos, essa é a regra em geral, mas existem exceções, claro. Na Amazônia, por exemplo, o regime de chuvas é diferente e a época mais seca costuma começar mais tarde, em maio, e terminar mais cedo: em novembro, as pancadas de chuva já aparecem mais fortes.

Já no interior do Nordeste, ocorre o oposto. Região de, historicamente, poucas chuvas, muito concentradas no segundo trimestre do ano. Por isso, as festas juninas são tão importantes na cultura regional, pois, em junho, já se pode ter certeza de que as chuvas vieram e se haverá, ou não, outra seca.

As outras regiões, como Sul, Sudeste e Centro-Oeste, sofrem influências de fatores variados, como as frentes frias e a umidade da Amazônia. Por isso, há sempre diferenças regionais para serem levadas em consideração.

Para evitar que você fique com dúvidas sobre qual é a melhor época na região onde mora, sites como Tempo Agora, Climatempo e Weather Channel (e até aplicativos de celular) entregam gratuitamente relatórios sobre o histórico de chuvas em uma determina região, além de apresentarem uma previsão sobre o que deve ocorrer nos meses seguintes.

Mercado: como construir uma casa na melhor época

O planejamento, porém, não deve levar em conta somente o clima. O seu nível de disponibilidade para acompanhar a obra, a oferta de trabalhadores, o preço do material de construção e como ele será armazenado são questões que precisam ser avaliadas e administradas antes de começar.

Esse conjunto de variáveis é o que chamamos de mercado e ele varia, de região para região, ainda mais do que o clima. Também de uma forma geral, existe uma tendência para que os meses do fim do ano sejam mais difíceis e caros para conseguir material de construção e mão de obra.

O motivo é que, nessa época, com a economia aquecida pelo décimo terceiro e as pessoas desejosas de realizar mudanças em suas vidas com foco no próximo ano, a procura aumenta bastante, fazendo os preços dispararem. Em alguns lugares, uma redução no ritmo da produção do material básico de construção em dezembro, com retomada só no ano seguinte, também é uma explicação muito apresentada.

Em outras áreas, devido ao contexto regional, há aspectos que merecem uma atenção especial. É o caso do preço do material de construção na maior parte das regiões Norte e Nordeste, por exemplo, que, normalmente, é mais alto por causa da dificuldade de acesso e da menor oferta.

Nas cidades menores, a mão de obra pode ser um problema por causa da baixa oferta. Então, para conseguir ter acesso aos melhores profissionais sem tem de pagar remunerações excessivas, é importante negociar a contratação com bastante antecedência, abrindo espaço para uma tratativa mais equilibrada e com menos pressão.

Outras precauções que você pode tomar

Existem algumas boas práticas que podem diminuir ou eliminar as variações do mercado e eventuais contratempos no processo de construção da sua casa. Se o preço do material de construção disparou, por exemplo, existe a possibilidade de comprá-lo em lojas especializadas em materiais provenientes de demolição. Nelas, é possível encontrar produtos de qualidade, como grades, portas e tijolos, em bom estado e por um preço mais acessível.

Outra etapa importantíssima é a escolha do construtor ou empreiteiro que vai trabalhar com você. Estar mal assessorado nessa área pode resultar em que todo o planejamento termine sendo frustrado. Pesquise e peça indicações antes de contratar.

Por outro lado, por melhor ou de mais confiança que seja seu empreiteiro, usar a totalidade da equipe que costuma trabalhar com ele pode ser uma medida muito cara, ainda que cômoda.

Pesquise, busque referências de outros profissionais competentes, ainda que seja apenas para se municiar para o processo de negociação dos honorários. Mas converse com o responsável pela obra antes e durante esse processo.

Para manter o cronograma no ritmo certo, a fiscalização deve ser uma constante. Erros ou falta de empenho da equipe podem resultar em atrasos, desvios, refações e outras situações que vão atrasar a obra. E isso, além de custar dinheiro, pode fazer você chegar ao período de chuvas intensas sem ter concluído as etapas necessárias, ou seja, mais atraso e prejuízo.

Se analisarmos todos esses cuidados, fica claro que a construção de uma casa começa muito antes da “mão na massa” literalmente. Definir o que vai ser necessário, o cronograma e as providências que precisam ser tomadas para que tudo ocorra como planejado é a base do sucesso de uma obra, especialmente uma tão importante como a casa onde você vai morar com a sua família.

Com essas dicas você se sente mais pronto para escolher a melhor época para construir uma casa? Se sim, que tal compartilhar este post com seus amigos nas redes sociais? O conteúdo pode ser do interesse deles também!

Posts relacionados