Confira 6 dicas de quadros para sala que vão valorizar o ambiente

Confira 6 dicas de quadros para sala que vão valorizar o ambiente

Cada ambiente da casa precisa de cuidados especiais para poderem brilhar e se tornarem únicos. Uma das maneiras de se fazer isso é por meio do uso de imagens. Sejam elas pessoais, grandes clássicos ou novidades, o fato é que quadros para sala são fundamentais para harmonizar e personalizar.

Para te ajudar a selecionar e arrumar as artes no living, preparamos um artigo recheado de dicas e informações preciosas. Continue a leitura e inspire-se!

 

Decoração por meio de quadros: um clássico, uma tendência

Expor arte na sala não é algo novo. Basta pensar nas mansões antigas da Europa para perceber como o uso de quadros é popular há séculos. E faz todo sentido: essa é a parte social do lar, onde recebemos visitas, amigos e familiares para festas e jantares. Portanto, exibir seus tesouros — sejam eles fotos dos pequenos, pets ou obras clássicas — são uma forma de mostrar ao mundo quem é você e como você percebe o mundo à sua volta.

As possibilidades para tanto são praticamente infinitas. São os mais diferentes tamanhos, cores, formatos, materiais e estilos que permitem a criação de composições únicas. Para ajudar na tarefa, é possível usar os padrões de tamanho — 10×15 das fotos, A4 das impressões, por exemplo — que ajudam a criar harmonia.

Outra ferramenta é a cor. Seja na arte ou na moldura, elas são outra responsável na escolha da arte e sua disposição. Dá para investir em contrastes dramáticos (vermelho no fundo branco), pares tradicionais (preto-e-branco) com base na própria paleta do ambiente.

O ideal é trabalhar tudo para favorecer o que você já tem, tanto em mobília, quanto em arquitetura e objetos. Quer ter uma casa ao estilo dos Hamptons? Eleja temas náuticos e tons neutros (azuis, cinzas, verdes, brancos) para compor as paredes!

Só não esqueça do mais importante: gostar de cada obra exposta!

Composições possíveis para valorizar o ambiente

Uma das preocupações de quem quer usar quadros para sala é evitar duas situações. A primeira é o excesso de arte, que acaba oprimindo e deixando o espaço com a sensação de aperto. Já na segunda possibilidade, o quadro parece solitário, destoando do resto.

Para ter a certeza da criação de um espaço belo e harmônico, o ideal é pensar em uma composição. O primeiro passo é eleger o espaço disponível, que pode ser uma parede, coluna, corredor ou escadaria. O segundo é entender as diferentes possibilidades.

Quem tem um estilo mais clean pode optar pelas composições simples em uma parede. O ideal é que elas não ultrapassem a medida da frente da peça de referência (sofá, aparador, rack, mesa de jantar). Quando for uma única peça exposta, ela deve ser menor.

Se você tem um grande espaço meio vazio, outra opção é o feature wall para atrair os olhares a partir de um design diferenciado. Você pode complementar usando uma cor e iluminação especiais ou outros detalhes, como adesivos ou papel de parede.

Um detalhe essencial: as molduras devem ter cores e estilos complementares, criando uma sensação de unidade e focando no essencial, as imagens escolhidas.

Dicas para escolher os melhores quadros para sala

1. Eleja clássicos

As obras clássicas não recebem esse nome à toa, são joias reconhecidas pelo mundo afora, fazendo parte da coleção de museus e atraindo milhões de olhares. Contudo, não é qualquer pessoa que tem a possibilidade — ou o dinheiro — para ter um Picasso ou um Mondrian original.

Existem empresas especializadas em reproduções autorizadas de diferentes artistas, disponíveis em lojas de arte e sites especializados. É possível escolher entre trabalhos figurativos e abstratos para ter um pedacinho da história da arte exposto em sua parede. Além de belos, eles são boas peças para inspirar deliciosas conversas com outros apreciadores.

2. Selecione frases

Essa é uma das tendências do momento. As impressões de frases famosas — muitas vezes inspiradoras — servem para os amantes das palavras que desejam eternizar belas ideias nas paredes.

Ela também pode servir como base para a construção de um tema. Um exemplo: amantes da pintora mexicana Frida Kahlo podem incluir entre as reproduções clássicos como trechos das muitas cartas, como “Pés, para que os quero se tenho asas para voar?”.

Se sua proposta é fazer uma homenagem à sua família, pode incluir palavras que sintetizem o sentimento desse grupo tão especial.

3. Adquira um quadro/cofre

A ideia parece estranha à primeira vista, mas hoje em dia existem quadros interessantes, feitos especialmente para quem se dedica a hobbies como cerveja ou vinho. Algumas molduras possuem aberturas para que você colecione tampinhas e rolhas, transformando a peça em algo criativo e em constante atualização.

O mais legal é que seus visitantes podem conferir o andamento do projeto por meio das visitas que fazem de tempos em tempos. No final, você pode mandar fazer um quadro expondo os rótulos apreciados e começar tudo outra vez!

4. Escolha conjuntos

Outra das opções populares entre os apreciadores da arte são os conjuntos de quadros. Eles podem ser uma mesma imagem dividida em telas ou um mesmo tema trabalhado em imagens de mesmo tamanho (uma árvore nas diferentes estações do ano, por exemplo).

5. Exponha fotos e posters famosos

É amante de fotografia cinema ou música? Então essa dica é perfeita para sua parede! Exponha imagens e artes do seu filme ou artista favorito, criando uma área para mostrar a todos as suas paixões transformadas em imagens.

Se você não vive sem as canções de Vinícius de Moraes, que tal misturar reproduções de partituras famosas, imagens da praia de Ipanema e posters de shows do poetinha?

É um cinéfilo apaixonado pelas obras de Alfred Hitchcock? Use as imagens icônicas de clássicos como Psicose, Os Pássaros e Um Corpo que Cai.

6. Invista em novos artistas

Tem um olho clínico para reconhecer novas promessas do mundo da arte? Quadros são, além de belos, uma boa forma de atividade nos dias de lazer. Comece a visitar as galerias da sua região e dedique um tempinho nas viagens para apostar em novidades.

Essa também é uma forma interessante para investir, principalmente para quem não tem muita pressa para obter o retorno. E mesmo que elas não tenham um resultado financeiro expressivo, quando escolhidas pelo gosto, elas se tornam verdadeiras joias de família.

Agora que você já sabe como escolher e exibir quadros para sala, mãos à obra! Pesquise com carinho para construir a sua galeria particular em sua própria casa.

Para ter acesso a outras dicas e deixar o seu lar cada vez mais belo, não deixe de curtir o Facebook da Laredo! Nele você terá acesso a todas as nossas novidades em primeira mão.

Posts relacionados