melhores praias de Sergipe

Conheça as 12 melhores praias de Sergipe

Por todo o território sergipano, banhado ao leste pelo Oceano Atlântico, há belos cenários naturais e inúmeras atrações para quem gosta de aproveitar a vida ao ar livre. Na capital, o litoral de Aracaju é cheio de encantos e atrações.

Embora seja um Estado pequeno, Sergipe tem muitas atrações. Além do mar, o turista aproveita passeios em rios, cidades históricas e parques. Aracaju foi uma cidade milimetricamente planejada e é bastante organizada.

Se você tem interesse em conhecer algumas das opções de passeios para diferentes idades e perfis de público, acompanhe o roteiro a seguir. Você vai se apaixonar pelo litoral de Aracaju. Programe sua viagem e curta momentos de puro bem-estar na companhia da família e dos amigos!

Simulador Laredo

Quais são as melhores praias de Sergipe?

A proximidade com a foz dos rios Sergipe e Vaza-Barris deixa boa parte do mar que banha a capital Aracaju com uma cor exclusiva, ligeiramente mais escura. Porém, a costa vai muito além da região metropolitana.

Entre orlas famosas e faixas de areia ainda pouco conhecidas, a região é frequentada por turistas e moradores locais. Para decidir aonde ir primeiro, fique por dentro das características de doze das melhores praias sergipanas!

1. Atalaia

Urbanizada, repleta de hotéis e restaurantes, a orla da Praia de Atalaia, localizada em Aracaju, está sempre bem movimentada. Lá se encontra também o Centro de Arte e Cultura J. Inácio.

No calçadão, desfruta-se de uma boa infraestrutura para a prática de atividades físicas, com direito a ciclovia, quadras poliesportivas e parquinhos infantis. Para repor as energias, há bons quiosques à disposição.

O trecho conhecido como Passarela do Caranguejo é repleto de bares e restaurantes. Por isso, atraem visitantes durante o dia e à noite, sendo um dos cartões-postais da capital.

Há ainda a Passarela do Artesão, uma feira de artesanato cheia de variedades e produtos locais. Por lá, é possível encontrar rendas, bonecos, bijuterias, bolsas e ainda fazer tatuagem de hena e tererê no cabelo.

Ainda é possível fazer a foto clássica nos Arcos da Orla de Atalaia, monumento símbolo de Aracaju. Logo à frente há um letreiro com a frase “Eu amo Aracaju”, ideal para registrar a viagem.

À beira-mar, a temperatura agradável da água, ligeiramente morna, atrai banhistas até o final da tarde.

2. Abaís

Repleta de barzinhos e quiosques com gostosos comes e bebes, Abaís, situada no município de Estância, no Litoral Sul, é procurada principalmente aos fins de semana.

O mar é agitado e com ondas fortes, o que faz com que a maior parte dos banhistas se limite a apreciar o visual (e a ousadia de alguns surfistas) da areia.

O grande destaque é a lagoa Grande, a maior lagoa natural de Sergipe. Ela também é conhecida como lagoa dos Tambaquis, lagoa Cristal ou lagoa Azul e tem nove quilômetros de extensão.

É possível nadar em meio aos enormes tambaquis que pesam até 20 kg e alimentá-los com ração.

3. Caueira

Situada no município de Itaporanga d’Ajuda, no Litoral Sul, Caueira tem faixa de areia ampla, que é completamente tomada pela maré alta. Há ainda um trecho urbanizado, onde se encontra o calçadão e suas barracas.

Para chegar a Caueira é preciso pegar a balsa ou ir pela estrada na BR-101. Por lá, a boa pedida é apreciar um o Catado de Aratu, um prato à base de mariscos típico da região.

Para quem aprecia um visual típico de guias de turismo, a praia reúne dunas de tamanho pequeno e com vegetação rasteira, típica das orlas nordestinas.

4. Praia do Saco

Com coqueiros, dunas de areia fina e águas calmas, a Praia do Saco, localizada no vilarejo de Estância, no Litoral Sul, é considerada uma das mais bonitas e rudimentares de Sergipe.

O mar de tom esverdeado recebe a foz do Rio Real, que divide, geograficamente, o território sergipano da vizinha Bahia.

Trata-se da região onde a Ilha da Sogra — ponto de parada de embarcações com destino a Mangue Seco, um povoado no litoral baiano onde foi filmada a novela global Tieta do Agreste — pode ser vista.

5. Sarney

No litoral de Aracaju, em meio a uma bela paisagem repleta de coqueiros fica a praia do Sarney. Sua extensa faixa de areia batida costuma receber muitos turistas, principalmente na alta temporada.

É uma praia agradável para toda a família. Enquanto uns podem relaxar fazendo uma caminhada ou, simplesmente, inventando brincadeiras com as crianças, outros podem aproveitar as ondas e águas transparentes para praticar esportes náuticos.

A praia oferece uma boa infraestrutura, com barzinhos e restaurantes que servem porções clássicas e pratos regionais.

6. Robalo

Conhecida por ser uma das praias tranquilas do Litoral Sul de Aracaju, tem areia batida, boa para caminhar, além de águas calmas. Costuma receber muitas famílias com crianças.

Com quiosques planejados, recebe maior movimento na alta temporada e aos fins de semana.

Morar em Aracaju

7. Pirambu

A praia com ares mais selvagens se encontra no município de Pirambu, no Litoral Norte, e proporciona um pôr do sol cinematográfico.

É extensa e tem boa parte dos trechos semidesertos, o que os tornam apropriados para a desova de tartarugas marinhas. Não à toa, conta com uma base do Projeto Tamar (a Reserva Biológica de Santa Isabel).

8. Aruana

Águas calmas, mornas e clarinhas, quiosques com boas alternativas para os visitantes, Aruana está localizada na capital Aracaju — próxima a Atalaia. A opção é perfeita para quem quer passar um dia com os pés na areia, sem abrir mão do conforto, pois ela abriga diversos bares e restaurantes que servem comes e bebes para os mais variados paladares.

Aruana também tem vida noturna, com bares que organizam shows durante os períodos de maior movimento. Ou seja, é possível curtir o local tanto de dia, com a família, quanto à noite.

9. Praia dos Artistas

Também conhecida como Havaizinho, a Praia dos Artistas (continuação de Atalaia) é uma interessante possibilidade para quem está na capital, recebendo uma grande quantidade de turistas em todas as épocas do ano. As águas são claras, mas o mar é agitado — esse é um dos points para a prática de surfe.

Lá também é possível ver a foz do Rio Sergipe, onde suas águas se encontram com o Oceano Atlântico.

10. Praia da Costa

Situada na Barra dos Coqueiros (voltaremos a este local adiante, pois ela oferece outras ótimas opções de lazer e divertimento), a Praia da Costa não pode deixar de ser visitada.

A extensa faixa de areia tem, além do visual de tirar o fôlego, uma boa seleção de bares e restaurantes, águas transparentes e ondulações leves, perfeitas tanto para banhos quanto para a prática de alguns esportes marítimos.

11. Praia das Dunas

A Praia das Dunas é a terceira da nossa lista localizada em Estância (município conhecido pelo festejo junino Barco de Fogo). As formações de areia são palco para cliques belíssimos e passeios de buggy ou de quadriciclo.

Ela é perfeita para quem quer curtir um cenário belíssimo sem muita gente em volta, pois a praia é bem vazia. O mar é agitado e, por conta dos ventos, perfeito para a prática do kitesurfe.

12. Mosqueiro

Com condomínios residenciais presentes no entorno, Mosqueiro, localizada no Litoral Sul de Aracaju, fica próxima à foz do Rio Vaza-Barris.

De lá, saem os catamarãs com destino a Crôa do Goré, um banco de areia formado quando a maré está baixa. O passeio dura de quatro a oito horas e conta com serviço de bar flutuante. Além de petiscar, pode-se relaxar na areia, nadar, andar de standup paddle e muito mais.

Tem faixa de areia larga e boa infraestrutura, especialmente por conta de uma famosa barraca em estilo beach club. Nela encontram-se iguarias da gastronomia regional, como o chamado “caixote” de frutos do mar, entre outros pratos bem avaliados.

Para aproveitar o Mosqueiro ao máximo, reserve um tempo para conhecer as praias do Náufrago e do Refúgio. Conheça um pouco delas.

12.1 Praia do Refúgio

O nome não engana: na Praia do Refúgio, localizada no Litoral Sul da urbana Aracaju, pode-se esquecer da vida em meio à areia batida, com direito à sombra dos coqueiros ou em suas águas tranquilas.

A infraestrutura também é garantida por uma tradicional barraca em estilo beach club, na qual se destacam saborosos petiscos, caldinhos e casquinhas. Durante o verão, costumam haver programações especiais, as quais atraem ainda mais pessoas.

12.2. Praia dos Náufragos

Torneada por condomínios, a Praia dos Náufragos, no Litoral Sul da capital sergipana, tem pequenas dunas e mar com pouca ondulação. Conta com barracas variadas para os comes e bebes.

Quais são as melhores ilhas da região?

Para quem deseja conhecer os encantos além da costa, vale a pena ir à Barra dos Coqueiros (já falamos sobre a Praia da Costa, que fica neste local) e à margem do navegável Rio Sergipe, situada próxima ao centro de Aracaju.

Pode-se acessá-la de carro ou pela água, em um tradicional tototó (embarcação de madeira, movida a motor, considerada patrimônio cultural do Estado de Sergipe).

Destaca-se, ainda, a praia de Atalaia Nova, também acessada por meio da ponte sobre o Rio Sergipe. Alguns de seus trechos são desertos, com coqueiros e lagoas.

Já a Ilha dos Namorados, localizada perto do navegável Rio Vaza-Barris, conta com guarda-sóis, cadeiras, itens para a prática esportiva, além de comes e bebes à espera dos visitantes.

Para acessá-la, deve-se agendar um passeio que faça a rota Crôa do Goré-Ilha dos Namorados, uma das mais procuradas por turistas e locais.

O que fazer em Aracaju?

Aracaju vai muito além de praias. Fundada em 1855, a capital sergipana é cercada de atrativos. Como foi projetada, todas as ruas do centro terminam no rio Sergipe. É uma cidade muito fácil de andar sem se perder. Abaixo, você confere como aproveitar a cidade.

Conheça os pontos turísticos

Opções de passeios não vão faltar. Os pontos turísticos da cidade vêm passando por processos de revitalização. O centro histórico de Aracaju é encantador e a arquitetura impressiona. Veja o que visitar.

Catedral Metropolitana

Um dos monumentos mais significativos com arquitetura e ornamentação do século XIX. À noite, a Catedral se ilumina, ficando ainda mais bela.

Praça Fausto Cardoso

É uma das primeiras áreas públicas da cidade e um lugar de grande importância para os sergipanos. Está localizada na frente do Palácio Fausto Cardoso.

Praça Almirante Barroso

Abriga belas palmeiras imperiais e é onde está localizada a Câmara Municipal de Aracaju. Fica aos fundos do Palácio Fausto Cardoso.

Palácio Fausto Cardoso

Construído no século XIX, o local sediou a primeira Assembleia Legislativa. Hoje, foi tombada pelo governo e funciona como Escola do Legislativo Seixas Dória e Memorial do Legislativo Quintina Diniz.

Palácio e Museu Olímpio Campos

Com estilo eclético de influência neoclássica, teve a fachada alterada em uma reforma no início do século XX.O local conta com um acervo público que conta a história política e cultural do Sergipe. Há eventos com exposições fotográficas e mostras de artistas.

Centro Comercial

Tem um enorme calçadão para os pedestres e abriga vários comércios.

Capela São Salvador

Foi a primeira igreja da cidade, sendo fundada em 1857. Foi declarada Patrimônio Histórico e Artístico de Sergipe por causa de seu valor simbólico, histórico e arquitetônico.

Colina de Santo Antônio

É um local muito visitado por ser uma das partes mais altas de Aracaju. No topo da colina está a Igreja de Santo Antônio. De lá, a vista da capital sergipana é muito bonita.

Centro Cultural de Aracaju

Abriga várias obras que contam a história de Aracaju. O local é um casarão reformado e funciona onde ficava a antiga alfândega.

Espaço Zé Peixe

O espaço homenageia José Martins Ribeiro Nunes, conhecido como Zé Peixe. Ele é considerado um ícone sergipano e ganhou fama ao auxiliar a navegação pelo Rio Sergipe.

Por lá, há lojas de doces e artesanatos típicos da região. No segundo andar, o memorial conta a trajetória de Zé Peixe e oferece uma vista para contemplar o Rio Sergipe.

Pratique atividades ao ar livre

Além da possibilidade de fazer caminhadas ou correr na orla do litoral de Aracaju, o fato de estar em uma cidade praiana abre diversas possibilidades. É possível andar de bicicleta ou patins no calçadão e ainda praticar esportes aquáticos.

Na praia de Atalaia há uma boa infraestrutura para incentivo de práticas esportivas. O local abriga quadras poliesportivas e de tênis, pista de cooper, de skate, campo de futebol. A cidade também tem muita força na prática de windsurf, contando com lagos artificiais.

Outra boa opção são os parques dos Cajueiros e Sementeira. Os dois oferecem aparelhos de ginástica ao ar livre, quadras e trilhas para caminhadas. Há ainda ciclovias para andar de bicicleta nos parques.

Explore o verde

Aracaju é muito arborizada e tem diversos parques espalhados pela cidade. Neles, são encontradas muitas árvores exóticas da Mata Atlântica que servem de refúgio para aves, como arara pequenina, coruja, joão-de-barro, gavião e pica-pau.

No Parque da Cidade, aproveite para se encantar vendo Aracaju de cima. É o ponto mais alto da cidade, com um teleférico que leva a uma vista de perder o fôlego. No parque, há um zoológico com alguns animais.

Visite os arredores

Como Sergipe é pequeno, facilmente se conhece o Estado todo. As rodovias estão em ótimo estado e fica fácil visitar a redondeza do litoral de Aracaju. Bem perto da capital, a cerca de 30 km, duas cidades chama a atenção: Laranjeiras e São Cristóvão, a quarta cidade mais antiga do país.

Perto de Itabaiana, a aproximadamente 45 km de Aracaju, está o Parque dos Falcões. O local é um santuário de aves de rapina sendo o único centro de criação e preservação desses animais da América do Sul.

Se aventure no São Francisco

Na divisa entre Sergipe e Alagoas está o Cânion do Xingó. O local é está listado com um dos cinco maiores cânions navegáveis do Mundo. Durante 17 km pelo rio, há diferentes formações rochosas que ganharam nomes como a Pedra do Japonês e o Morro dos Macacos.

O passeio de catamarã tem duração de cerca de 3 horas. O ponto alto é o Paraíso do Talhado, com formações que medem mais de 30 metros e têm cor alaranjada. O catamarã faz uma parada para mergulho no rio São Francisco, em uma região cercada pra proporcionar segurança.

A partida do barco é em Canindé de São Francisco, localizado a quase 200 km da capital sergipana.

Como aproveitar um dia na praia?

Ir à praia precisa ser uma atividade relaxante e agradável, correto? Por isso mesmo é que algumas dicas podem ser essenciais, a fim de garantir a tranquilidade ao curtir as melhores praias de Sergipe — mesmo para quem tem filhos pequenos.

A primeira dica é: deixe o celular em modo avião. Essa é uma maneira de curtir o dia na praia sem se preocupar com mensagens do trabalho e, também, sem correr o risco de perder os cliques dos momentos de diversão.

Se você tem um bebê que tira sonecas, leve uma pequena barraca portátil (os modelos pop up são perfeitos para quem quer praticidade). Dessa forma, ele tem uma sombrinha para descansar para depois voltar a curtir o passeio, sem cansaço ou choro.

Para as crianças um pouco maiores, planeje atividades ao ar livre e garanta muita diversão.

Cuidados na praia

Quer sair da praia sem levar tanta areia no corpo e sujar o carro? Com dois itens básicos você consegue!

O primeiro é uma grande bolsa reservada para guardar tudo o que foi usado (cangas, chinelos, roupas) no porta-malas. O segundo é uma vassourinha de pelos macios para limpar o corpo e os pés.

Quem disse que você precisa abrir mão da sustentabilidade na praia? Carregue algumas sacolinhas (biodegradáveis ou reutilizáveis) para coletar o lixo produzido, inclusive separando orgânicos de recicláveis.

Por fim, cuidado com a exposição ao sol. Além da aplicação (e posteriores reaplicações) do filtro solar, leve chapéus, camisetas e óculos escuros para todos.

Chegar cedo é igualmente importante, evitando os raios nocivos dos horários de pico.

Como passar o tempo sozinho, em dias de chuva?

Para quem gosta de decoração de interiores, a região metropolitana de Aracaju reúne centros de compras com peças de artesanato típico.

No Centro de Arte e Cultura J. Inácio, também conhecido como Centro de Arte e Cultura de Sergipe, há cerâmicas coloridas, esculturas de sertanejos com os pés avantajados e rendas irlandesas confeccionadas à mão por artesãos locais.

Já nos mercados municipais, como o Mercado Municipal Antônio Franco e o Mercado Municipal Thales Ferraz, encontram-se peças mais populares, como redes e objetos de palha.

E como se divertir com a família, em dias chuvosos?

A visita ao interativo Museu da Gente Sergipana, instalado em um prédio restaurado de 1926, vale muito a pena. Nele é possível conhecer características do ecossistema, das comidas típicas, das festas regionais e, claro, dos personagens mais ilustres.

Para quem gosta de animais, o Oceanário de Aracaju, localizado na orla da Atalaia, administrado pelo Projeto Tamar, conta com aquários de água doce e salgada. Destaque para o tanque com tubarões, o qual faz sucesso entre as crianças.

Como mostrado, não faltam opções de lazer para curtir as melhores praias de Sergipe. Por isso, não deixe de seguir nossas sugestões para tornar a sua viagem ainda mais incrível!

Onde morar no litoral de Aracaju?

Quem mora em Aracaju, desfruta de todas essas maravilhas em seu cotidiano. A capital sergipana oferece excelente qualidade de vida e diversificação de lazer e entretenimento.

Se você ficou apaixonado pela cidade e quer se mudar, a melhor opção é escolher um condomínio fechado. Além de desfrutar de todas as belezas naturais e a tranquilidade que o município proporciona, o condomínio oferece mais segurança e privacidade para instalar moradia.

Os condomínios são planejados para atender elevados níveis de exigência. São espaços que possibilitam comodidade e, ao mesmo tempo, contato com a natureza. Além disso, oferecem mais lazer e proporcionam elevado bem-estar para toda a família.

Se você quer ter o privilégio de viver em uma cidade cercada de natureza e o conforto de morar em uma casa em condomínio no litoral de Aracaju, entre em contato com a Laredo Urbanizadora. Você vai conhecer opções inovadoras e com alto padrão de qualidade.